Competição: sua foto mais assustadora vale uma Diana Mini e um kit incrível!

Pessoal, estou muito feliz em anunciar essa novidade! Junto com a Lomography, iremos presentear um leitor do blog com um kit incrível contendo uma câmera Diana Mini com flash, filmes e uma case! Fala aí, maior presentão de dia das crianças, ein? Haha!

competicao_lomo_01

Todos nós já tivemos medo de alguma forma ou outra. Como crianças, tínhamos medo do escuro. De aranhas. De fantasmas. Ou até do próprio Halloween. Envelhecendo, nós ficamos com medo de outras coisas De alturas. Da morte. De ficar sozinho.
Como fotógrafos, existem várias coisas que podem nos assustar. Alguns tem medo de tirar fotos na rua. Outros têm medo de lidar com pessoas e outros têm medo de falhar.
O que te assusta? Não importa se são monstros da sua infância ou alguma coisa que tenha a ver com fotografia, que terroriza o seu coração, nos conte a história através de uma foto!

Para participar é só seguir as regrinhas abaixo:

– O tema do desafio é “medo”, ou seja, nos mande aquela sua foto mais assustadora que você tem, queremos aproveitar o mês do Halloween com vocês!
– Só é permitido participar fotos analógicas, mas não precisam ser fotos somente feitas com Lomos, pode ser qualquer câmera de filme;
– As fotos devem ser postadas em suas LomoHome e o link da foto você deve deixar aqui nos comentários (não sabe fazer uma LomoHome? A gente já ensinou aqui);
– As fotos podem ser enviadas até dia 16 de novembro;
– Podem ser fotos antigas ou já postadas na LomoHome;
– O resultado sai dia 23 de novembro;
– Os prêmios só poderão ser enviados caso o vencedor tenha um endereço de entrega no Brasil.

kit_competicao

Vamos lá pessoal, moleza, né? Quero ver um montão de gente participando! Se não vou pegar esse kit pra mim, uahahaha. ;)

Edit:

Dia de anunciar o vencedor! Adoramos todas as participações, mas essa foto da Thais Lima nos deixou arrepiadas, haha! Parabens, Thais! Entraremos em contato com você em breve!

1216x811x2

Banksy reinventado em fotografias!

Quem aí não curte o artista Banksy?

O artista britânico vive grafitando imagens polêmicas pelo mundo, principalmente na região da Inglaterra, de onde ele é. Comecei a me interessar mais pelo trabalho do cara quando assisti um documentário sobre o trabalho dele, o Exit through the gift shop. Fiquei meio fascinada, comprei uns livros, saí por aí procurando alguma coisa dele…. (ainda morava nos Estados Unidos, então foi fácil achar!)

banksy01

banksy02

banksy04

banksy05

banksy06

Acho que muita gente curte o trabalho do cara, e o fotógrafo Nick Stern conseguiu retratar algumas obras do cara. O fotógrafou captou muitas imagens legais, e lá no site dele você pode conferir mais.

A imagem da abertura é a minha favorita, e a de vocês?

As portas de Dublin

Ainda lembro bem a sensação de chegar pela primeira vez em Dublin e já me deparar com milhares de portinhas coloridas no caminho do aeroporto até o centro da cidade. Não tem como, essas portas chamam mesmo a atenção, e são cartão-postal aqui! O mais engraçado é que depende muito do bairro… O bairro que eu moro, por exemplo, são mais difíceis de achar, mas elas estão presentes por toda a Irlanda!

Um tempo atrás estava mega curiosa do porque dessas portas coloridas, e ainda mais: qual o critério usado? Achei duas teorias bem engraçadinhas e fofas, mas não sei se são verdade ou não!

A primeira delas, é que as esposas pintavam as portas da vizinhança cada uma de uma cor, para que quando os maridos, bêbados, chegassem em casa, não errasem a porta! Haha! Consigo entender o sentimento, pois um dia, voltando da balada, errei a rua de casa, HAHA!

A outra teria que encontrei conta que em 1861, quando o príncipe Albert faleceu, a rainha Vitória mandou todos colocarem faixas pretas nas portas das casas em sinal de luto. Um irlandês revoltado (e provavelmente também bêbado) resolveu pintar as portas durante a noite em sinal de protesto. Quando todos acordaram, gostaram tanto da ideia que resolveram aderir à moda.

portasdedublin01

portasdedublin02

portasdedublin03

portasdedublin04

portasdedublin05

portasdedublin06

portasdedublin07

Essas foram só algumas portinhas que encontrei pelo caminho, mas existem muuuuitas mais! Quem sabe não rola um post parte dois? O que acham? :D

Guest post: fotografando o Rock in Rio com apenas um celular!

Oi pessoal, tudo bem? O meu nome é Bianca e acompanho o Lomogracinha tem um bom tempo. Acabei conhecendo a Lari pessoalmente quando estávamos em Dublin (saudades andar na Gafton e ouvir banjo!) e recentemente fiz um trabalho bem bacana e pensei que isso poderia se transformar em um post divertido. A Lari topou de primeira e cá estou pra contar pra vocês como foi cobrir o Rock In Rio só com um celular!

Mas antes, vou explicar um pouquinho de como fui parar nisso. Sempre fui apaixonada por música e fotografia, e juntar as duas coisas parecia genial pra mim. Tudo começou depois que vi as fotos do show do Arctic Monkeys clicadas pela Camila Cara (oi Cá!), fiquei completamente encantada e desde então decidi que faria disso um hobby sério de verdade. Acabei fazendo parceria com alguns blogs e de lá pra cá já fotografei Thurston Moore do Sonic Youth, Alt-J e alguns outros.

rir01

rir02

Foi então que surgiu a oportunidade de pegar o freela dos sonhos: cobrir o Rock in Rio! Mas dessa vez minha companheira de cliques não estava liberada, a única coisa que eu usaria para fotografar era um Samsung S6, que pra ser bem sincera, superou minhas expectativas. Ah, queria ressaltar que isso não é um publipost, ok? Só achei que seria bacana compartilhar as minhas impressões com vocês!

No começo fiquei morrendo de medo das fotos ficarem muito pixeladas (se já é difícil com câmera, imagina só com celular?) mas a abertura da câmera do S6 é sensacional (chega a f/1.9!), e isso ajudou MUITO. Além disso, ela tem vários modos – inclusive manual- então rola ajustar ISO e tudo bonitinho, como uma câmera de verdade. Todas as fotos desse post foram feitas com ele, sem exceções.

rir03

rir04

Era uma correria maluca porque eu fazia todas as coberturas do meio da galera e só tinha um celular e um editor de foto simples pra trabalhar. Eu precisava ter a foto pronta em período de tempo curto, então tentava usar ao máximo a luz do palco, envolvimento da plateia e todos os elementos possíveis que pudessem me ajudar a transformar a foto em algo mais especial.

Foi uma experiência incrível poder fazer um trabalho assim só com um celular. Senti falta da minha câmera em muitos momentos, mas achei o resultado super positivo e isso me empolgou bastante a clicar mais no meu dia a dia tendo só um celular. Espero que vocês tenham curtido as fotos também! Pra quem quiser ver mais algumas, é só dar um pulo no meu insta @biancafto. :)

rir05

rir06

Até a próxima!

Inspiração: Gallery Wall

Quem aqui não sonha em ter em casa, uma dessas paredes cheia de quadros com nossas fotos ou até mesmo imagens que gostamos da internet?! Eu tenho muito vontade de fazer algo assim aqui na minha sala, mas ainda preciso de um pouco de paciência para poder separar as imagens e mandar imprimir numa gráfica. Enquanto isso não acontece, deixo aqui algumas inspirações para a gente ficar ba-ban-do! :)

artwall01

artwall02

artwall03

artwall04

artwall05

artwall06